A Tun

No início da década de 80, durante o movimento Dark, a artista plástica Lia Mascarenhas Menna Barreto trabalhava com borracha para a produção de obras escultóricas. E criou também acessórios feitos com borracha de câmaras de pneu. Com tesoura e estilete desenvolveu anéis, pulseiras, saias e colares. 

Em 2007 retomou o mesmo movimento usando bonecos de plástico e transformando-os em colares. Isso fez com que resgatasse as câmaras de pneu para criar outros colares e brincos. 

Em 2009, Lia começa a trabalhar junto com o artista plástico Mauro Fuke e criam a TUN. À partir desta união surgem novas peças, utilizando borracha industrial, látex e borracha reciclada. 

O trabalho de ambos como artistas plásticos reflete no conceito e desenho das peças, reproduzidas com precisão pelo corte à laser.

A Tun vem construindo seu caminho com muito humor, usando grafismos diversos e referências à história da Moda e Arte. 

Lia Menna Barreto trabalha com objetos de consumo popular.
Construindo instalações e peças tridimensionais.
Conheça mais o trabalho da Lia aqui.

Mauro Fuke é escultor em madeira.
Projeta e esculpe objetos com o auxílio da matemática.
Veja mais aqui.

Lia Menna Barreto Vulgo Valentin

Obra de Lia Menna Barreto. 1985
Foto: Flávia Duzzo

A banda Vulgo Valentin, no início dos anos 80, usando os acessórios de borracha da Lia.
Vídeo Vulgo Valentin, 1988

 

Abaixo, experiências da Lia com câmaras de pneu e brinquedos de borracha.

 

 

A Janaina é responsável pela produção na Tun.

Gustavo é o fotógrafo.